Boas práticas para publicação de podcasts – #DiaDoPodcast

21 outubro 2018 Por Thiago Miro
Boas práticas para publicação de podcasts – #DiaDoPodcast

Esse post trata de boas práticas para publicação de um podcast. Não entrarei na questão de distribuição em aplicativos como Google Podcasts ou Spotify, focarei apenas na parte do site em si. Ao começar a publicar seus episódio, é comum não saber o que fazer ou como fazer e isso pode por acabar prejudicando a indexação e o engajamento do seu público.

Então vamos a alguns itens para levar em consideração na hora de publicar um episódio.

Título

Essa é uma das partes mais importantes da publicação. Como sabemos, é normal o comportamento de se ler apenas o título de um link para decidir clicá-lo ou não. Por isso, é importante você colocar da forma mais direta possível qual o tema daquele episódio.

Sim, há exceções de podcasts que colocam qualquer coisa aleatória que só será entendida ao ser ouvido. Mas em geral, se você faz um podcast sobre Pink Floyd, coloque Pink Floyd no título.

Vitrine

Só a vitrine do episódio é mais importante que o título na hora de chamar a atenção do leitor. Uma boa imagem que represente bem o conteúdo do episódio ajudará bastante na hora do clique. Lembrando, novamente, que há podcasts exceções que fazem diferente e dão certo.

Se você não é bom montagens, use imagens únicas em alta qualidade. Fazer montagens sem experiência resulta em vitrines toscas.

Publique vitrine com proporção de 2:1. Esse é o corte que será feito em redes sociais sempre que alguém compartilhar seus episódios.

exibição de um link no facebook

Arquivo mp3

Os arquivos mp3 devem ser nomeados sempre com letras minúsculas e números apenas. Separe palavras com sublinhas ou traços. Nunca use caracteres maiúsculos, símbolos ou espaços. Por mais que esses detalhes não causem problema na maioria dos dispositivos, sempre vai ter aquela pessoa com um sistema mais antigo que terá problemas. Então, melhor evitar.

No arquivo mp3 em si, é importante integrar tags ID3. Dessa forma, o podcast será exibido de uma forma mais bonita tanto nos aplicativos, quanto na pasta em que o mesmo foi baixado.

Player

O player do podcast deve ser colocado no topo do post ou pelo menos visível na primeira tela quando o site é carregado. Quem já sabe o que é podcast irá procurar pelo player ou botão de download. Quem não sabe, nada garante que essa pessoa irá rolar até o final do seu post e, por acaso, descobrir um player ali.

Player Powerpress customizado

Ter o player no topo mostra logo de cara que o conteúdo daquele post é áudio. Em 2014 publiquei esse post em que mostro dados do próprio Google em que as pessoas raramente visualizam as partes inferiores dos sites e como isto estava virando uma tendência ter o player no topo da página.

Descrição

Essa parte da publicação é essencial para questões de indexação nos buscadores. Não é uma regra, mas é indicado que você digite um ou dois parágrafos com informações sobre o conteúdo do podcast. Infelizmente, ainda não temos indexação de áudio. Isso vai acontecer, mas enquanto não acontece, facilite a vida de quem por acaso encontrar seu post.

Links

Ter links externos com referências e fontes de informações usadas no seu podcast é importante para relacionar esses conteúdos ao site e também para estimular o page view, algo que podcasters sofrem bastante.

Contatos

Não esqueça de colocar seus contatos e redes sociais nos posts. Em formulário de emails também coloque por escrito ou em uma imagem o seu email, nem todo mundo gosta de usar os forms dos sites, como eu.

Comentários

O sistema de comentários nativo do WordPress é ruim e pesado. Recomendo usar o Disqus, que trabalha quase como uma rede social, permitindo o comentário seja usando Facebook, Twitter, email etc. E quando o comentário tem uma resposta, essa pessoa é notificada e pode vir fazer sua tréplica, fomentando, assim, a discussão.

 

É isso, apenas colocando em práticas essas coisas simples, seu conteúdo no site já será mais bem entendível.

Euler ETI Euler ETI